22.06.2017 Xadrez ou Tartan

Que a moda tem revisitado os anos 90, isso não é novidade, mas de seu mais recente passeio por lá ela trouxe para as coleções de outono/inverno 2017 um elemento da cultura escocesa, que já foi dos punks e, na década em questão, incorporado ao visual dos grunges (em suas inseparáveis camisas de flanela): o xadrez vermelho. Mas não estamos falando do xadrez comum, não, estilo vichy, mas do poderoso tartan, padrão nascido há milênios na Grã Bretanha para distinguir clãs.

 

Com algumas linhas a mais, além das que formam os quadradinhos simétricos das toalhas de piquenique, o tartan caiu nas graças da moda e hoje, mais uma vez, ganha forças em diversas coleções. Mesmo com significado talvez mais vago do que nunca no que diz respeito a cultura – dessa vez ela não está atrelada a nenhum movimento, além do movimento fashion -, essa promete ser a estampa mais vista da estação.

 

Antes bucólico e campestre, o tartan volta modernizado, urbano e com várias cores. A vantagem é que o xadrez típico escocês pode agradar a todos os gostos: desde a forma mais tradicional até abordagens descoladas. Casacos, saias e cachecóis são exemplos de peças que aceitam bem a estampa. Inspire-se na nossa seleção.

 

 

 

 

18.06.2017 Estampa Vichy

A padronagem apareceu no streetstyle como uma forma de brincar com texturas e ilusões de ótica. O xadrez voltou a ser uma tendência presente na moda de rua. O destaque, porém, fica para uma estampa específica: o Vichy.

O desenho surgiu na década de 1950 e foi eternizado nos looks de Brigitte Bardot, especialmente no vestido de casamento que usou para a cerimônia com o ator Jacques Charrier. A padronagem surgiu na cidade francesa de mesmo nome, e desde o ano passado tem despertado o interesse das fashionistas dentro e fora das passarelas.

A diferença deste xadrez para os demais é que ele é simplificado, com uma divisão clara entre as cores e espaçamentos bem definidos. Pense em uma toalha de piquenique ou uma camisa simples em preto e branco (muito comum em festivais de música, por exemplo). Bem diferente do tartan, tão comum em peças de lã.

 

A dica é usar a padronagem para brincar com sobreposições e texturas: uma camisa alongada sob um casaco de pelúcia, um sobretudo sobre uma calça vinilizada, ou ainda combinando com estampas diferentes (as listras são uma boa aposta!)

 

Outro detalhe que não passa batido é o tamanho dos quadrados. Eles podem ser tanto maiores e espaçados, quanto menores e mais juntos uns dos outros, criando um efeito de ilusão de ótica.

 

Apesar de ser a paleta de cores preferida, o preto e branco não é obrigatório no Vichy, e você pode também optar por cores diferentes para variar a padronagem.

 


La vie en Rouge

Na dúvida, vá de vermelho!
Queimado ou aberto, sensual ou boyish, o vermelho (em todas as suas nuances) é a cor do momento. No algodão, na malha, no tricô, no cetim, no paetê, no moletom, no couro, na seda… não importa o tecido: o vermelho foi presença quase onipresente nas passarelas mundo afora, surgindo em looks que podem ir da padaria ao red carpet.

O visual monocromático promete bombar no streetstyle da temporada.

 

Casacos luxuosos e peças ladylike, fazem jus ao potencial poderoso da cor.

 

Vale também usar o tom em diferentes texturas para criar uma produção bastante atual – o veludo é o preferido para brincar com a cor, mas as transparências também foram uma escolha dos estilistas em Milão.

 

Não são apenas as peças de roupa que ficam incríveis em tons de vermelho. Sapatos, bolsa, lenços e muitos outros acessórios vermelhos também deixam o look ainda mais bacana.

Pode ser texturizada, com detalhes ou acetinada, mas precisa ser vermelha! A cor, inflamada e sedutora, foi destaque absoluto nas bolsas desfiladas nas passarelas de inverno 2017.

Na Gucci, Alessandro Michele combinou a versão de couro réptil com vestidos super-estampados e vibrantes. Na Valentino, o modelo de couro liso foi um ponto vibrante meio à estética neorromântica. Na Fendi, a aposta foi o total red. O resultado foi um visual forte e intrépido.

 

Vermelho tem o poder de elevar a confiança de toda mulher, exala glamour, é sexy e sedutor realçando qualquer tom de pele. Quase toda mulher possui uma peça vermelha no guarda-roupa e este promete ser o ano ideal para adquirir peças nesta cor, tendo em vista a variedade considerável que irá invadir as lojas.

Vermelho é  também, uma das minhas escolhas favoritas para as unhas, assim como o batom — que esta sempre em alta. A versatilidade desta cor é ilimitada, sendo perfeita para entradas marcantes. Então, siga a sugestão das passarelas e divirta-se!

 

Beijinhos,
Cah

 

Tendência Metalizados: ousadia e contemporaneidade se encontram no mesmo look

Oi Madames, tudo bem?
Quando pensamos em outono e inverno vem logo a mente tons mais escuros, sóbrios e fechados. No entanto, nesta nova temporada, os metalizados estão presentes para dar aquele brilho nos dias mais cinzas.

A proposta é brilhar. E as peças metalizadas aparecem como coringas nas produções. Casacos, vestidos, calças, blusas, saias, elas chegam como um ponto de luz. Não interessa o look, a tendência é que apareça um brilho metálico para compor o visual da estação.

Seguindo essa tendência, muitas marcas já estão incluindo em suas coleções o brilho. Um exemplo disso é a Colcci, que chega com tons como o cobre, dourado e prata. A coleção veio cheia de peças que se encontram e harmonizam com outras tendências.

Nela, blusa detonada e com pegada rocker entra em harmonia com a saia lápis no tom cobre metalizado.

 

 

Jaqueta jeans se encontra com vestido dourado metálico e camisetas folgadas ganham uma produção mais glamourosa com o prata.

 

 

O metalizado veio para complementar os looks com uma mistura de ousadia e contemporaneidade.

 

 

 

Gostaram das dicas, meninas?
Beijinhos

Peças com traços finos e delicados combinam melhor com a estação do frio

No inverno as cores escuras e mais discretas predominam. Por isso, para fazer bonito no período e destacar as produções, a dica é apostar nos acessórios. Nessa época do ano, a máxima de que “menos é mais” sempre é tendência. Sendo assim, o ideal é investir nas peças minimalistas, com traços finos e delicados, que dão um charme extra ao look e trazem sofisticação na medida certa.

Mas, não é por que um acessório é minimalista que ele deve ser pequenininho ou “sem graça”. Muito pelo contrário. Acessórios assim variam de tamanho, cores e material também. Minimalista no design quer dizer criar produtos baseados numa redução formal extremamente forte e no uso de cores neutras, ou mesmo ausência de cores e simplicidade na forma.

No caso dos anéis, vários modelos podem ser combinados formando um conjunto ou um de cada vez.

 

 

Já os brincos são os mais fáceis de serem usados. Por serem pequenos, eles são extremamente versáteis e podem ser usados a qualquer hora do dia e em qualquer ocasião.

 

 

 

 

As pulseiras são as que mais se destacam. Normalmente elas aparecem com um design ousado e discreto com trançados. Assim como os colares, que ousam nos detalhes e transbordam personalidade.

 

 

 

O minimalismo chama a atenção na medida certa e alia simplicidade e elegância ao look. A dica para acertar no look é combinar as peças fazendo um mix, já que elas dão a liberdade de misturar sem deixar o visual exagerado.

 

 

 

A dupla é o que há de mais atual entre as mulheres de atitude. Renascida nos anos 1990, a choker tem ganhado diferentes versões, sendo a mais sexy delas feita com cordão preto – o que dá um ar de fetiche ao look. Já as camisetas aparecem como um tipo de outdoor próprio para passar recados. Vale expor uma causa que voce apoia, um mantra que adora ou até aquela indireta.

 

 

Há também a nova versão do choker que vem sendo desfilada por aí: um híbrido entre skinny scarf e gargantilha que virou truque de styling de nomes como Rosie Huntington-Whiteley, Gigi Hadid, Bella Hadid, Kylie Jenner e tantas outras famosas.

 

 

 

 

Feito de finas fitas de materiais como como veludo, seda e malha, o acessório de ascensão meteórica pode ser usado em produções para o dia (dando um up em combinações básicas, como jeans e camiseta) ou para a noite (especialmente se feitos do mesmo tecido e cor que o look). Quanto tempo a moda vai durar? Difícil dizer. Mas, na dúvida, corra e amarre seu novo choker no pescoço antes que seja tarde.

 

 

Oi Madames,

Nessa estação, nosso amor absoluto é pela Camisa Oxford, que vem cheia de babados. Mas também temos um crush por mais itens-desejo que não podem faltar no look de verão: body, panô, jeans oversized…

Body
Fresquinha e colada ao corpo, a peça nos lembra um maiô – superverão!
Na hora de combiná-la a saia, short ou calça, brinque com o mix de cores, estampas e texturas para sofisticar a produção.

Panô
O lenço vai além da canga de praia. Quando for de seda, sai da areia e desfila na cidade. Quer um look inusitado? Amarre-o à cintura e use como saia. Que tal?

 

Camisa Alongada
Apesar de ela ter botões até quase a barra, é muito mais interessante usá-la abotoada só ate a metade. Dessa forma, aberto, o item revela uma segunda peça no look. Qual? Por ser outro hit da vez, a pantacourt soltinha é uma boa pedida.

 

Jeans Oversized
O tecido é o rei da temporada. Quando em modelagem ampla, então, é close certo. As mangas são o ponto-chave da tendência e a proposta é que as mãos fiquem escondidas mesmo.

 

Vestido com Amarração
Ultrafeminino, com nó no colo e babados pela silhueta, é um par cheio de graça para uma jaqueta divertida.

 

 

Vestido Ombro a Ombro
Já que o colo estará de fora, a dica é valorizá-lo ao máximo com brincos poderosos e chockers.

 

Top Cropped
Barriga de fora é lei no verão, – e um jeito simples e chique de montar um look é usando: top cropped + calça de cintura alta e modelagem larguinha.

 

Míni
O vestido míni de mangas compridas é a escolha certeira, especialmente se você estiver a procura de um look sexy e sofisticado. Detalhes como paetês e bordados vão garantir um destaque a mais.

 

Beijinhos
Cah ?

Oi Madames,

Existe peça mais universal no closet feminino and masculino do que a camisa social azul? Ok, talvez a branca…Mas o fato é que ela vai muito além do look trabalho. Quer uma prova? Aqui tem quatro!

1480379861687596

 

No desfile de outono da A.Brand, no SPFWTRANSN42, o tema foi escapismo pra casa de praia no fim de semana. Pense: roupas confortáveis, clássicas e a cara das férias.

1480381568657294

 

E não é que a camisa de alfaiataria se encaixou direitinho na produção relax? Nem as peças clássicas estão imunes às tendências da moda! No caso, a camisa azul, em versão lisa ou listrada, que ganhou babados mil.

1480545987837096

 

1480380902920578

 

148054437736974

 

Inspire-se no olhar fashion de várias cool girls do mundo e saiba como usar.

Bjss

 

 

 

 

 

Esqueça o terninho burocrático de escritório que vem à sua cabeça quando você ouve “alfaiataria”. Peças de alfaiataria podem ser verdadeiros coringas do guarda-roupa, o corte perfeito e o caimento bem alinhado ao corpo fazem com que elas vistam bem todo tipo de silhueta. Como são encontradas em diversas cores, estampas e materiais, é possível investir pouco em peças que podem ser camaleões, deixando o look sóbrio para reuniões de trabalho e descolado para a balada, por exemplo.

A mistura é a palavra de ordem para um visual moderno e estiloso. É permitido usar blazers com jeans, camisetas e até macacões.

 

1479833227822381

 

Estilistas do mundo todo produzem releituras e desconstruções do estilo com saias despontadas e ousadia em cores e estampas. Casacos com top cropped, vestidos com saia jeans e tênis. Os acessórios também permitem diversas possibilidades, do clássico passando por uma pegada roqueira até um look praiano com cores leves.

Bem menos sisudo, o blazer entra em cena com materiais, leves, shapes descomplicados e uma pegada mais casual.

1479831457903759

 

As mais ousadas podem seguir a fila de Diane Keaton, Anne Hathaway e Tilda Swinton, que já passaram por grandes tapetes vermelhos portando seus smokings. Há modelos elegantes para ocasiões festivas como casamentos, até no verão, com versões de blazers com manga ¾ e shorts. Para as mais discretas, a inclusão de um blazer básico no guarda-roupa já garante elegância e modernidade a qualquer visual.

1480028367706532

 

A Inglaterra é um dos países com maior tradição em alfaiataria, um dos endereços mais famosos do segmento no mundo é a Savile Row, em Londres. Mas foi a francesa Coco Chanel uma das primeiras estilistas a inspirar muito de seu trabalho na alfaiataria dedicada à mulher. Famosa por popularizar o estilo de vestir mais solto e simples, ela disseminou uma nova forma de comportamento fashion no final da primeira metade do século 20 e que repercute até hoje. Outro importante nome na história da alfaiataria feminina é Paul Poiret, entre suas criações estavam vestidos inspirados nos casacos masculinos.

1480030241398115

 

Hoje o que se vê é a mutação e adaptação da alfaiataria em todas as suas possibilidades, entre os principais criadores contemporâneos estão a alemã Jil Sander, o brasileiro Francisco Costa com a Calvin Klein, Karl Lagerfeld à frente da Chanel e os britânicos Stella McCartney e Alexander McQueen. No Brasil, alguns exemplos da produção de alfaiataria com um novo olhar, inspirados ou totalmente desconstruídos são Sara Kawasaki, Pedro Lourenço, Huis Clos, Gloria Coelho e Alexandre Herchcovitch.

Pincele com brilho, paetê de dia é megaboa ideia com a cintilância sendo quebrada por alfaiataria and camisaria, né?

1480125046234812
Abuse do universo 90’s, último grito da moda, misturado a alfaiataria e jaqueta basiquete. A peça tá “se achando” – voltou com tudo, em tecidos que vão bem do escritrório ao off duty.

Inspirem-se!

Bjinhos

 

 

Oi Madames,
Roupas, calçados e acessórios são itens muito pessoais, entretanto, existem algumas peças específicas que podem ser muito úteis no guarda roupa de qualquer mulher. Selecionei alguns itens que eu tenho como indispensáveis no meu closet.

 

1. Camisa de seda
Pode ser branca, marinho, estampada (geométrica ou floral). É a cara da mulher sofisticada. Você pode combiná-la com uma quantidade enorme de peças, tais como, calça jeans, de alfaiataria, shorts boyfriend detonadinho, saia bordada, etc.

img_1723

 

2. Jaqueta de couro
Versátil e prática, inegavelmente, a peça é um item must-have de qualquer estação e não existe uma combinação sequer que não possa ser feita com uma boa leather jacket. Da perfecto à bomber, vale a pena ter um modelo sempre à mão.

img_1741

 

3. Scarpin
É sexy e passeia por diferentes estilos. Deixa o look calça jeans + regata bem requintado e para uma ocasião mais formal, complementa muito bem um vestido de seda.

1479506543990511

 

4. Blazer de alfaiataria
Maneira mais fácil de sofisticar uma produção casual. É o item que melhor complementa um look. O blazer preto é sempre uma escolha certeira. Use-o sobre outras peças básicas. Assim o visual fica com mais personalidade.

1479506944452667

 

5. Bolsa classica 
Uma bolsa pode mudar totalmente um visual, uma produção, desde a pequena, máxi, metalizada, preta, colorida… o modelo tanto faz, mas não deixe de investir em uma bolsa poderosa, dessas que permanecerão por longos anos ao seu lado.

1479509039859006

 

6. Calça de alfaiataria
Esqueça aquelas caretas e aposte nos modelos com shapes diferenciados, tecidos nobres e com texturas. Na hora de comprar tome cuidado e repare se o tecido marca a calcinha, o que pode comprometer toda a elegância do visual. Combine-a com uma t-shirt de estampa vintage + colete bordado.

img_7683

 

7. Lenço
Não se pode negar seu poder, até um look mais basiquinho, como jeans e camiseta, pode ser acentuado com um belo lenço estampado. Na hora de investir, procure um de seda de ótima qualidade.

1479509751708277

 

8. Camisa branca
Pode vir uma estação, ir embora, entrar outra e a verdade é que a camisa branca não perde seu poder, sem dúvida, é uma peça que não envelhece, pode circular entre todos os estilos e produções.

1479504999120433

 

9. Maxi colar
Faz qualquer t-shirt ficar mais cool.

1479514645727666

 

10. Vestido preto
Um closet sem um bom little black dress não é um closet feminino, pois ele é indispensável em qualquer guarda-roupa que se preze, porém, é importante saber investir em um modelo que combine com seu corpo e que fique bem em várias situações, um tubinho ainda é o melhor investimento. Não se esqueça de que a melhor versão é sempre a que favorece a sua silhueta.

1479513398757909

 

11. T-Shirt branca
Sem dúvida, uma camiseta branca básica vai bem com tudo e é a solução para crises existenciais. Fica show com blazer, saias de cintura alta, shorts, calças e por aí vai…e lembre-se, fica super chic com aquele lenço de seda.

1479504433848894

 

12. Flats
É confortável, versátil e chic. As sapatilhas ficam lindas em produções mais casuais.

1479514284344351

 

13. Cardigã
Os modelos atuais vêm com botões arrojados, tecidos metalizados, compridos e coloridos. Esta peça é ideal para criar diversas sobreposições bem criativas.

1479515538184677

 

14. Calça de couro
Elas são cheias de atitude e dão um ar super elegante e mais descolado ao look. Não se convenceu? Bem, então saiba que ela vai deixá-la mais magra. E agora? ?

img_1739

 

15. Sandalia rasteira
Confortável e moderna, a rasteira é peça-chave na hora de deixar o look mais leve. Em versão básica de tiras ou maxi-gladiadora, elas estão sempre no topo e ganham passe livre em qualquer produção.

1479516494788533

 

16. Saia
Escolha um modelo versátil, que combine com o seu guarda-roupa e caia bem no seu corpo. Se a sua escolha for uma curta, a barra deve ficar no meio da coxa, se for longa ela deve cobrir o salto do sapato e quase encostar no chão. Pode-se compor diversos estilos de acordo com o complemento escolhido, ou seja, uma saia preta reta de couro com uma camiseta branca + maxi colar de metal + botinha de cano baixo com tachinhas, deixa o look mais rocker. A mesma saia com uma camisa de seda off-white + scarpin marinho fica bem elegante. Eu adoro! ??

img_1746

 

17. Legging preta
Uma ótima opção para quando há dúvida do que vestir pela manhã. Combine com sapatilhas, blusas de seda, tricôs pesados. Lembre sempre em cobrir o bumbum, se a blusa for mais curta use-a com uma pala (da mesma cor).

img_1740

 

18. Jeans skinny
Outro clássico exemplo de uma peça que é adaptável e muito útil é o jeans skinny. Se você combiná-lo com uma camisetinha básica e uma sapatilha, está com um look pronto para qualquer ocasião informal.

img_7684

 

19. Camiseta listrada
Nunca sai de moda. Invistas nas listras em cores mais clássicas como a branca + preto e a branca + azul-marinho. Você pode criar um look super criativo com uma saia de onça ou um mais esporte com um short jeans estonado. Só tome cuidado porque as listras horizontais engordam visualmente, então, se você está um pouco acima do peso, use-a com coletes ou blazers a fim de criar listras verticais que vão deixar a silhueta mais delineada.

1479505642408275

 

Gostaram, meninas?

Bjinhos

 

TODOS OS DIREITOS RESERVADOS (C) MADAME CARLOTA                        Programação: Sara Silva