A dobradinha jeans e jeans, sucesso há algumas temporadas, ganha folego extra com o mix novo de lavagens e texturas e apesar desse sucesso todo, a combinação ainda gera dúvidas.  Pensando nisso, separei aqui 4 dicas para ajuda-las na composição.

Lavagem igual
É a maneira mais fácil de acertar na composição, portanto, evite misturar peças com lavagens diferentes.

Mix de texturas
Fazer um mix de texturas significa que os ‘volumes’ dos tecidos devem ser diferentes. Peças pesadas têm que ser combinadas com outras mais leves. Por exemplo, uma calça mais pesada combinada de uma camisa com caimento solto e leve.

 

Volume Compensado
Assim como em qualquer outra combinação, no look total jeans também é importante dosar na composição para não exagerar e deixar o figurino carregado. Se optar por uma calça sequinha, opte por uma camisa ou jaqueta soltinha. Ou vice-versa.

 

Acessórios
Na hora de escolher os acessórios, opte por peças coloridas. Evite acessórios que lembrem o jeans, para não carregar demais o visual.

 

E aí Madames, o que acharam?
Inspirem-se!

Beijinhos,
Cah 💋

 

 

 

 

Modelo derivado da moda “maxi” faz sucesso entre as famosas e fashionistas

Quando o assunto é moda, as pessoas não cansam de se reinventar. Todo momento surgem novas tendências; às vezes renovadas de temporadas passadas, às vezes com uma proposta futurista e moderna. Com os acessórios acontece o mesmo. No outono/inverno deste ano, a vedete são os brincos “lustre”. Já ouviu falar?

Os brincos lustre são, como o nome sugere, brincos grandes e pomposos produzidos com muitas pedras e detalhes.

As peças desse modelo que mais fazem sucesso são as bem trabalhadas, ricas em minúcias. Os brincos que possuem mais pedras e detalhes, aliados a um design moderno, têm agradado as mulheres pois eles se tornam o destaque do look.

Porém, deve-se ter muito cuidado na hora de compor a produção. Se o brinco for muito grande não há necessidade de usar colar. Se optar por usar outra peça, o ideal é que seja um anel ou pulseira minimalista. Também é preciso atentar para o tipo de roupa para não sobrecarregar o look.

 

 

 

 

 

 

O choker é um acessório super moderno e atual que todas as fashionistas amam. É como uma gargantilha que fica rente ao pescoço, sensação dos anos 90. Agora em 2017, a peça voltou como uma das tendências apresentadas nas passarelas e promete fazer sucesso entre a mulherada. O acessório, que garante um ar moderno ao look, pode ser confeccionado em couro, prata e ouro, com modelos mini ou maximalista.

Para acertar na produção, a dica é apostar em uma maquiagem mais sutil e roupas que deixem o colo e pescoço à mostra para que a peça fique em evidência. Usar o cabelo preso é outra estratégia bacana para conseguir uma boa visualização do acessório.

 

 

 

 

 

Como o choker é versátil e democrático, não tem muito segredo para usar. Ele se adéqua a qualquer estilo, do casual ao mais sofisticado, fica a cargo da ocasião. É possível usá-lo sozinho ou também com outros colares formando um mix de texturas e modelos.

 

 

 

 

Peças com traços finos e delicados combinam melhor com a estação do frio

No inverno as cores escuras e mais discretas predominam. Por isso, para fazer bonito no período e destacar as produções, a dica é apostar nos acessórios. Nessa época do ano, a máxima de que “menos é mais” sempre é tendência. Sendo assim, o ideal é investir nas peças minimalistas, com traços finos e delicados, que dão um charme extra ao look e trazem sofisticação na medida certa.

Mas, não é por que um acessório é minimalista que ele deve ser pequenininho ou “sem graça”. Muito pelo contrário. Acessórios assim variam de tamanho, cores e material também. Minimalista no design quer dizer criar produtos baseados numa redução formal extremamente forte e no uso de cores neutras, ou mesmo ausência de cores e simplicidade na forma.

No caso dos anéis, vários modelos podem ser combinados formando um conjunto ou um de cada vez.

 

 

Já os brincos são os mais fáceis de serem usados. Por serem pequenos, eles são extremamente versáteis e podem ser usados a qualquer hora do dia e em qualquer ocasião.

 

 

 

 

As pulseiras são as que mais se destacam. Normalmente elas aparecem com um design ousado e discreto com trançados. Assim como os colares, que ousam nos detalhes e transbordam personalidade.

 

 

 

O minimalismo chama a atenção na medida certa e alia simplicidade e elegância ao look. A dica para acertar no look é combinar as peças fazendo um mix, já que elas dão a liberdade de misturar sem deixar o visual exagerado.

 

 

 

A dupla é o que há de mais atual entre as mulheres de atitude. Renascida nos anos 1990, a choker tem ganhado diferentes versões, sendo a mais sexy delas feita com cordão preto – o que dá um ar de fetiche ao look. Já as camisetas aparecem como um tipo de outdoor próprio para passar recados. Vale expor uma causa que voce apoia, um mantra que adora ou até aquela indireta.

 

 

Há também a nova versão do choker que vem sendo desfilada por aí: um híbrido entre skinny scarf e gargantilha que virou truque de styling de nomes como Rosie Huntington-Whiteley, Gigi Hadid, Bella Hadid, Kylie Jenner e tantas outras famosas.

 

 

 

 

Feito de finas fitas de materiais como como veludo, seda e malha, o acessório de ascensão meteórica pode ser usado em produções para o dia (dando um up em combinações básicas, como jeans e camiseta) ou para a noite (especialmente se feitos do mesmo tecido e cor que o look). Quanto tempo a moda vai durar? Difícil dizer. Mas, na dúvida, corra e amarre seu novo choker no pescoço antes que seja tarde.

 

 

Oiii Madames, tudo bem?

Enquanto a moda acena com doses de conforto e de renovação, a beleza propõe um pouco de brilho para nossos dias. No meio de tudo isso, também ganha cada vez mais força a ideia de consumir conscientemente. Certo?
Vejam só o que vai ditar os meses que vem por aí.

 

1. Metalizados
Nas unhas, nas pálpebras e até nos lábios. Os acabamentos metalizado, incluindo os glitters, são a pedida. Os tons neutros, como dourado e cobre, são os mais democráticos e adaptáveis ao dia a dia, além de serem o primeiro passo perfeito pra você se acostumar com o efeito, né?!

 

2. Pisada Chapada
Usamos aos montes os saltos flatform em sandálias, mas a febre ainda tem fôlego para continuar – dessa vez, em versões invernais, como sapatos Oxford, tênis e coturnos.

 

3. Curtos e Naturais
Depois do sucesso da top brasileira Ari Westphal nas passarelas, os fios curtos e naturais têm brilhado. Quem curte?

 

4. Oversized
O shape das peças femininas tem sido redescoberto e a ideia de vestir algo solto no corpo conta cada vez mais com as adeptas. Assim, a modelagem oversized reina.

 

5. Consumo Sustentável
O mercado do slow fashion, que incentiva o consumo sustentável, ganha terreno com players de respeito, como as marcas Fernanda Yamamoto, C&A e À la Garçonne. Todas têm adotado o upcycling – prática que consiste em fazer roupas com a reabilitação e o reúso de materiais que seriam descartados.

 

6. Nature
O consumo consciente aparece ainda em outras frentes, como na beleza, como o slow Beauty. Entram em cena cosméticos à base de itens naturais, como mel, açúcar e aloe vera.

 

7. Lovely tees
A tipologia e o mundo pop se encontram nas passarelas e o resultado disso é uma série de frases desenhadas com letras gráficas e cheias de significados divertidos. Eu adoro! 🙋

 

8. Think Pink
O cor de rosa promete ser a tonalidade destaque das maquiagens de pegada fun. Esse não é um estilo que me agrada, mas tem gosto pra tudo e temos que respeitar, né?!

 

9. Athleisure
Tendência desde 2016, o estilo promete não nos abandonar tão cedo. Com ela, as roupas ficarão mais funcionais e arrojadas, com referências diretas do mundo esportivo. Quem é que não gosta de ficar confortável e na moda?! 👌

 

10. Deu Verde
A cor eleita pela Pantone como a oficial do ano é a Greenery, um tom de verde, e tem como inspiração os primeiros dias da primavera.

 

11. Jeans Repaginado
As estampas de grafite e as barras destruídas e assimétricas reforçam o aspecto urbano das peças, enquanto o shape oversized e o mix de lavagens em um mesmo item sublinham seu poder de conforto e versatilidade. Já falamos do jeans aqui e por ser a peça mais democrática que existe, faz sentido que apareça sempre em alta, néam?

 

12. Militância Fashion
Verde-musgo, estampa camuflada, parkas, abotoamento duplos, camisas estruturadas e muito bolsos. Todos os itens compõem o militarismo, que vai continuar nas araras das lojas após aparecer em desfiles de peso, como Versace, Fendi e Stella McCartney.

 

13. Maxibrincos
Quanto mais alegóricos forem, melhor. Invista em pares geométricos que trazem uma proposta de design visual, e prenda os cabelos para dar destaque às peças. A cara do verão, Madame!

 

14. All White
Em tempos de crise, ter clareza de ideias se faz necessário – e isso se reflete diretamente nas passarelas, que foram inundadas pela cor que traduz o mood. Amo me vestir de branco, e vcs?

 

15. Gotic Style
O estilo aparece mais romântico do que pesado. Ainda que o preto e os creepers venham com tudo, as rendas e a meia arrastão, bastante presente nos looks de streetstyle, trazem um pouco de leveza às produções.

 

16. Iluminador
Aplicado nos pontos de luz (na ponta do nariz e acima das bochechas), o iluminador que é figurinha carimbada em backstages de desfiles e campanhas, vira o produto must have do nécessaire.

 

17. Camisaria
Sempre em novas modelagens, com recortes e babados aos montes – a camisa Oxford retorna fortemente e derruba mais uma fronteira entre o feminino e o masculino.

 

Espero que tenham gostado das dicas!

Bjs
Cah 💋

 

 

TODOS OS DIREITOS RESERVADOS (C) MADAME CARLOTA                        Programação: Sara Silva